madeira

A ideia deste trabalho é o aproveitamento e peças de madeiras de reciclagem, aliados à serragem e materiais que a natureza nos oferece com tanta generosidade !!!!

Seguidores

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Mocinhas da Cidade de Curitiba - Opa's Haus

MOCINHAS DA CIDADE DE CURITIBA- CIDADE DE IMIGRANTES E DE PARQUES
 Até o século 18, os habitantes da cidade eram índios, mamelucos, portugueses e espanhóis. Com a emancipação política do Paraná (1854) e o incentivo governamental à colonização na segunda metade do século 19, Curitiba foi transformada pela intensa imigração de europeus.
Alemães, franceses, suíços, poloneses, italianos, ucranianos, nos centros urbanos ou nos núcleos coloniais, conferiram um novo ritmo de crescimento à cidade e influenciaram de forma marcante os hábitos e costumes locais.  Curitiba também guarda marcas da presença negra, embora esta seja pouco documentada. Auguste de Saint-Hilaire, naturalista francês que andou pela cidade em 1820, fez levantamentos sobre a população da província.Apesar dos poucos documentos existentes, a escravatura existiu no Paraná, ao longo dos ciclos econômicos e na construção de obras gigantescas como, por exemplo, a Estrada de Ferro Paranaguá-Curitiba, entre 1880-85, ligando o Litoral ao Primeiro Planalto e com a engenharia dos irmãos Antônio e André Rebouças, ambos mulatos.









CURITIBA- CIDADE DOS PARQUES E DOS IMIGRANTES
De povoado a metrópole, o traço fundamental que definiu o perfil de Curitiba foi a chegada de imigrantes das mais variadas procedências. Europeus, asiáticos e africanos contribuíram para a formação da estrutura populacional, econômica, social e cultural da cidade.

MEMORIAL UCRANIANO
Os ucranianos vieram em 1895. Estabeleceram-se no Campo da Galícia e foram expandindo suas propriedades ao longo da atual Avenida Cândido Hartmann e por todo o bairro Bigorrilho.

PARQUE TANGUÁ

                                            MUSEU OSCAR NIEMEYER


PARQUE BARIGUI 

PARQUE BARIGUI  




MEMORIAL UCRANIANO


PARQUE TANGUÁ

PARQUE TANGUÁ

OPERA DE ARAME

OPERA DE ARAME

OPERA DE ARAME


JARDIM BOTÂNICO

JARDIM BOTÂNICO

JARDIM BOTÂNICO



PARQUE TANGUÁ

MEMORIAL UCRANIANO

BOSQUE ALEMÃO



BOSQUE ALEMÃO

BOSQUE ALEMÃO


BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO ITALIANO GASTRONÔMICO

BOSQUE ALEMÃO

JARDIM BOTÂNICO

BOSQUE ALEMÃO

                                            PARQUE PASSAÚNA
JARDIM BOTÂNICO


BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO GASTRONÔMICO



Os italianos vieram para Curitiba em 1872 e, em 1878, criaram a colônia Santa Felicidade. Os oriundos do norte da Itália eram, em sua maioria, operários, artesãos, profissionais especializados e comerciantes. Os do sul dedicavam-se à lavoura e introduziram novos implementos agrícolas. Assim como os poloneses, eles vendiam na cidade, de carroça, sua produção de hortaliças.

BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO ITALIANO GASTRONÔMICO 

BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO GASTRONÔMICO

           BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO ITALIANO GASTRONÔMICO   


BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO ITALIANO GASTRONÔMICO 

BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO ITALIANO GASTRONÔMICO
BAIRRO DE SANTA FELICIDADE- BAIRRO ITALIANO GASTRONÔMICO

Os poloneses chegaram em 1871 - BOSQUE DO PAPA

Os poloneses chegaram em 1871 - BOSQUE DO PAPA


PRAÇA DO JAPÃO 


EMAIL DE CONTATO : elianeapkroker@gmail.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...